prémios

Paulo Morais é o vencedor do Prémio Especial Cutipol Carreira 2022

Foi um ano em cheio para Paulo Morais. Há cerca de um mês recebeu uma estrela Michelin para o Kanazawa, pequeno restaurante em Algés com apenas oito lugares ao balcão que chefia desde 2017. No inicio do ano, já tinha sido distinguido pelo governo japonês como Embaixador da Boa Vontade da Cultura e Gastronomia e recentemente esteve no Japão, onde conheceu o primeiro-ministro, para receber um prémio do Ministério da Agricultura, Florestas e Pescas pelo seu papel de divulgador da cozinha nipónica. 

Agora, foi a vez de ser escolhido pelos seus pares para o Prémio Especial Cutipol Carreira 2022 dos Prémios Mesa Marcada, sucedendo a Miguel Castro e Silva, Vítor Sobral, Joachim Koerper e Dieter Koschina, vencedores das edições anteriores. 

Aos 51 anos, parece que está a chegar um reconhecimento generalizado do seu percurso, o qual começou em 1994 – depois de se ter formado na Escola de Hotelaria de Lisboa – no Furusato, restaurante pioneiro da cozinha japonesa em Portugal, que então existia no Tamariz, no Estoril, e seguiu por outros espaços marcantes, como o Midori (hotel Penha Longa, Sintra), Bica do Sapato (Lisboa), QB (Oeiras), Umai e Rabo D’Peixe (ambos em Lisboa). Um trabalho que concilia, há mais de 20 anos, com a actividade docente na Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril, onde dá aulas de cozinhas do mundo, com especial incidência na asiática, mas também latino-americana e norte-africana, e ainda de cozinha dietética. Quer nesta escola de hotelaria quer nos diversos restaurantes que chefiou, Paulo Morais tem sido uma referência para muitos cozinheiros que com ele trabalharam e que hoje tornaram a cozinha japonesa uma das mais populares entre nós. 

Paulo Morais foi o mais votado pelo painel de 25 chefes de cozinha, que em seu nome ou do restaurante, integraram o Top 10 ou venceram um dos prémios especiais do Mesa Marcada dos últimos cinco anos. Foram eles: Alexandre Silva, André Lança Cordeiro, António Bóia, António Galapito, Carlos Afonso, Carlos de Albuquerque Teixeira, Filipe Carvalho, Hans Neuner, Henrique Sá Pessoa, Joachim Koerper, Joaquim Saraaga Leal, João Oliveira, João Ricardo Alves, João Rodrigues, José Avillez, Lara Espirito Santo, Lucas Azevedo, Marlene Vieira, Miguel Castro e Silva, Pedro Lemos, Pedro Pena Bastos, Rodrigo Castelo, Vasco Coelho Santos, Vítor Sobral e Zé Pedro Rocha.

Como tem sido habitual, o Prémio Especial Cutipol Carreira é o primeiro dos Prémios anuais do Mesa Marcada a ser divulgado. Uma outra distinção será igualmente comunicada em breve. Contudo, a grande maioria dos prémios especiais, bem como os 10 Chefes e Restaurantes Preferidos 2022, ou a lista completa dos votados, serão anunciados no dia 30 de Janeiro, a partir das 18.30h, no decorrer da cerimónia que se realizará na Gare Marítima de Alcântara, em Lisboa. 

1 comment on “Paulo Morais é o vencedor do Prémio Especial Cutipol Carreira 2022

  1. Pingback: Prémios Mesa Marcada regressam a 30 de janeiro

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers gostam disto: