Restaurantes

Restaurante de José Avillez ganha estrela Michelin no Dubai

Parece que toda a gente foi apanhada de surpresa, inclusive o próprio José Avillez. “Fomos convidados para a Gala, mas tinha outros compromissos aqui em Portugal e não pensei mais no assunto. Por isso, só esta manhã, quando comecei a receber mensagens de parabéns, é que percebi o que tinha acontecido”, disse ao Mesa Marcada o chefe português, que já conta com duas estrelas Michelin no seu restaurante Belcanto, em Lisboa. E o que aconteceu foi que o seu restaurante Tasca, aberto no início de 2019 no sexto andar do Hotel Mandarin Oriental Jumeira, no Dubai, ganhou uma estrela na primeira edição do guia Michelin neste emirado do Golfo Pérsico, anunciada ontem à noite.

É não só a primeira vez que José Avillez ganha uma estrela Michelin num segundo restaurante, como, ao que parece, será a primeira vez que um chefe português ganha uma estrela num segundo restaurante fora de Portugal. “Claro que ficámos muito satisfeitos e orgulhosos, tanto mais que, segundo me disseram, só houve 11 restaurantes premiados”, considera. O Tasca é actualmente chefiado por José Barroso, já no Grupo Avillez há alguns anos, e na sua equipa de 36 elementos há outros oito portugueses. Que, segundo José Avillez, estão em grandes festejos.

Nasceu em Lisboa em 1963. Licenciou-se em Comunicação Social pela Universidade Nova de Lisboa e trabalhou em diversos jornais (Semanário, Diário Popular e Diário de Lisboa) e, depois, na área de comunicação empresarial. Em 1997, começou a colaborar com a revista “Fortuna” na área de gastronomia e vinhos. Em 1999, criou a página “Boa Vida” para o “Diário de Notícias”, que coordenou até Janeiro de 2009, com algumas interrupções. Entre 2007 e 2019, foi coordenador do Projecto Gastronomia da Associação de Turismo de Lisboa e, nesse âmbito, director do festival gastronómico Peixe em Lisboa, continuando a escrever artigos sobre gastronomia e restaurantes em várias publicações.

%d bloggers like this: